#Euli: A Última Música - Nicholas Sparks



Título: A Última Música.
Título original:
The Last Song.
Autor: Nicholas Sparks.
Editora: Novo Conceito.
Sinopse: Verônica Miller teve sua vida virada de cabeça pra baixo quando seus pais se divorciaram e seu pai se mudou de Nova York para Wilmington Beach. Três anos depois, ela ainda continua zangada e alienada em relação aos seus pais, especialmente seu pai, até que sua mãe decide que seria melhor para todo mundo se Ronnie e seu irmão, Jonah, passassem o verão com seu pai. O pai de Ronnie, pianista e ex-professor, vive uma vida tranquila na cidade de praia, imerso na criação de um vitral pra igreja local.O conto se transforma em uma história inesquecível de amor em suas diversas formas que mostra, de uma
forma que só Nicholas Sparks é capaz, as diversas formas que um relacionamento pode quebrar nossos corações... e
curá-lo.

Fui no balanço de Querido John e resolvi ler em sequência o outro livro do Nicholas Sparks do qual todo mundo, principalmente depois do filme. Bom, o livro conta a história de Verônica, que é apenas tratada como Ronnie do começo ao fim. Ela mora com sua mãe, Kim, e seu irmão, Jonah. Como seus pais são separados e ela culpa o pai por causa disso, eles não conversam a três anos. Até que sua mãe anuncia que os dois vão passar o verão na casa dos pais dele. Pronto, o pesadelo de Ronnie começa ai. Não sei se pode ser chamado de 'pesadelo' depois que ela conheceu o Will - adorável garoto - que mora na mesma cidade que seu pai e se apaixona por ele na medida que vão se conhecendo melhor.
No começo eu achei que o livro ia ser muito bom já que Querido John foi fantástico. Mas não, A Última Música não me comoveu tanto quanto eu esperava. É uma história bonita, claro que é. Nós faz pensar nas nossas amizades, amores e principalmente no importantes papel da família nas nossas vidas. Mas eu realmente achei meio entediante, achei mesmo. Mas tirando isso, tem partes muito legais no livro - apesar de Ronnie me estressar terrivelmente - como as tartarugas e os momentos bonitinhos entre Ronnie e Will. A narração que eu mais gostava era do Will porque esta não costumava ser muito descritiva como era a do Steve, pai da Ronnie. Mas o personagem que eu mais gostei foi Jonah. Oh irmão caçula mais gracinha que ele é! Acho que eu gostei mais dele porque eu tenho uma irmã caçula e ela é tão parecida com ele que me deixa pasma.
Enfim, apenas três estrelinhas de 'bom' merecidas para A Última Música pelo final cute-cute e por uma história muito bonita sobre a família e até que ponto chegariamos para cuidar de quem amamos.

PS: Vale resaltar a importância das tartaruguinhas bebês no livro q

6 comentários:

ʆɛtíciɑ iɑucɦ รwiԲt disse...

Ah, eu quero tanto ler esse livro *-*
É a primeira resenha que eu leio que diz que o livro é entediante >.<
Pelo jeito que você falou da Ronnie, estou sentindo que ela vai entrar para a minha lista negra de personagens- até agora eu só odeio a Ever, de Para Sempre ^^ rsrs
Gostei da resenha Vanessa ^^

Bjoos'
Lee Iauch
ϟ●•Giяl's•●ϟ

Vanessa News disse...

Parabéns pela resenha Van! Em breve estarei lendo A Última Música.
Beijos!

talita helen disse...

V. sabe que comigo foi o contrário hihi, achei A Última Música, menos tediante que Querido John, na verdade amei os dois, chorei nos dois e amo dois ponto final hihi

Guilherme Queiroz disse...

Amei o filme,e quero muito ler o livro,o meu chegou essa semana,e vou mostrar no vídeo de Sábado lá no meu blog!!!

Adorei a resenha,Bjs,já to seguindo

Guilherme,^^

-Devorando Letras

Patricia disse...

Bom eu vi o filme
mais tó loka p/ ler o livro
(eu sempre prefiro os livros)

Agora q li a resenha fikei triste eu pensei q esse livro era maravilhoso mais mesmo assim eu ainda vou comprar

ps: quando terminar "O mar de monstros" eu quero ver a resenha

Ѽ Michelle Ѽ disse...

Eu adorei esse livro, mas ele me fez chorar pra caramba kkkkkkk
A história é linda e sua resenha ficou ótima!
Ah, descobri o blog através do fórum da Galera.
Já estou seguindo!

Bjussss
http://viciadospelaleitura.blogspot.com/

 
Layout de Giovana Joris