A Ascensão dos Nove - Pittacus Lore.

Título: A Ascensão dos Nove.
Original: The Rise of Nine.
Autor: Pittacus Lore.
Editora: Intrínseca.
Nota: 5/5.

Antes de encontrar John Smith, o Número Quatro, eu estava sozinha, lutando e me escondendo para continuar viva. Juntos, somos ainda mais poderosos. Mas isso só vai durar até precisarmos nos separar para localizar os outros. Fui até a Espanha em busca da Número Sete e encontrei mais do que esperava: um décimo membro da Garde, que conseguiu escapar vivo de Lorien. Ella é mais jovem que o restante de nós, mas igualmente corajosa. Agora estamos à procura dos outros — de John inclusive. (SKOOB)



Eu adoro essa série, mas é sempre uma surpresa para mim quando os livros são lançados. Nunca sei do nome ou quantos mais livros terão. Sou totalmente desinformada, acho que já sabem disso. A única coisa que eu quero é que não acabe nunca, porém sabemos que tudo tem um fim, então espero que os próximos livros continuem tão majestosos como esses três ("Eu Sou o Número Quatro", "O Poder dos Seis" e esse) são. Só isso.

Essa resenha poderá ter spoilers para quem não leu os dois primeiros livros. Leia por sua própria conta e risco.

Bom, o livro começa algum tempinho depois de onde o último terminou. Sam foi sequestrado. O Quatro encontrou o número Nove e a Seis foi ao encontro da Sete - onde acabou encontrando a Dez também. Enfim, eles ainda estão tentando ficar fora de perigo e achar um ao outro - já que juntos eles são mais fortes agora que o feitiço foi quebrado. Entretanto, nada será tão fácil como eles pensam. Nunca é.

Dei uma lida no segundo livro para recapitular algumas ideias antes de ler esse, nunca me lembro de nada mesmo. O pessoal não deveria demorar para lançar livros quando são em série. Enfim, voltando ao que realmente interessa. O livro é ótimo. Eu nem sei mais o que falar dessa série de tão boa que ela é. Tem ação, pessoas morrendo, um romance básico e extraterrestres. Tipo, adoro tudo o que tem nessa trama, ponto final. Esse terceiro volume foi narrado em primeira pessoa pela Seis, pela Sete e pelo Quatro. O que difere a narrativa deles são as fontes das letras usadas na narração, mas confesso que nesse fique um pouco confusa entre as letras da 6 e a do 4. Com certeza é só um problema meu, sou extremamente problemática. Esses diferentes pontos de vista são muito interessantes. Eu sou suspeita para dizer, pois adoro narrativa em primeira pessoa, mas simplesmente amo. Acho que no próximo mais um número deverá narrar. Só espero que eles achem fontes de letras o suficiente para todos os números Q

Um fato que eu acho super positivo: o autor não tem medo de colocar os personagens em situações totalmente perigosas. Eles estão sempre metidos em alguma confusão e você nunca acha que eles serão capazes de sair dessa. Eu sempre acho que alguém vai acabar morrendo - alguns morrem. Muita ação, muitos poderes loucos sendo usados e pessoas se ferindo. Não consigo expressar o quanto eu amo essa série devo estar parecendo uma psicopata agora, mas tudo bem. Nenhum ponto negativo, pelo menos eu não encontrei. Acho que é tudo surpreendente, nunca sei o que esperar. Essa resenha se resume em poucas palavras: só tenho elogios ao livro. Tudo acontece em tão poucas páginas e fica... perfeito.

Não sei mais o que esperar dos próximos, só tenho certeza de que ainda terá muita ação e de que os nossos numbers favoritos ainda terão muito o que enfrentar para voltar ao planeta deles. Isso se eles conseguirem, nunca se sabe, tudo é possível. Tudo mesmo, sério.

Eu já falei muito do Quatro/John por aqui, mas vamos lá de novo. Eu o adoro, mas ele consegue ser um completo babaca tem horas. MEU, LARGUE MÃO DE SER BABACA! Pronto, desabafei. Nesse livro ele teve a capacidade de me irritar em várias partes. Meu personagem favorito ainda é o cachorro. Sei que ele não é um cachorro propriamente dito, mas essa é minha forma favorita dele (assim como a do Quatro/John). Nesse livro ele tem um novo parceiro, já que o Sam foi capturado, que é o Nove. Um irritante, chato, arrogante e, apesar de tudo, conseguiu 'quebrar' um pouco toda a chatice do Quatro. Ele é bem treinado e ajudou muito ele nesse livro, então apesar da minha opinião sobre ele, o Nove veio a calhar na história.

A Marina/Sete é uma gracinha. Eu adoro ela e toda sua fofura. O poder de cura dela é simplesmente o melhor desse livro. Todo mundo se fere e ela está bem ali, pronta para ajudar. É tipo um 911 da vida, sabe? Gosto disso. Também tem a número Dez que achei uma graça também. Ela ainda é novinha e apareceu já no outro livro, mas acho que gostei mais dela nesse livro. A Sarah ainda me dá nos nervos, não vejo a hora dela ir dessa para a melhor. Outro número que aparece é o Oito, que é super arrogante e metido. Não curti ele, simplesmente isso. Vou esperar pelo próximo livro para dar minha opinião final. E por último o vilão, Setrakus Rá. Gente, esse cara é muito do mal, ele é amigo do demônio. Sério, fiquei com medo dele. Acho que o pessoal está totalmente enrascado.

Só mais uma coisa antes de acabar: eu não queria ser um Cêpan, eles não têm sorte na vida.

Resumindo: se você ainda não começou a ler essa série, comece agora. Não tem desculpas depois dessa resenha que só enche o livro de elogios. Acho que falei até coisas sem nexo, mas é que não consigo expressar o quanto eu gosto dessa série a acho um máximo. Leiam e saberão. É isso, fim.

12 comentários:

Brenda Andrade disse...

Nunca tinha lido uma resenha tão positiva dessa série ! hahah Uma vez comecei a assistir o filme,mas resolvi ler a série primeiro,e espero que seja logo !
beijos =)
modiceselivros.blogspot.com

Amanda Cristina disse...

Sempre li comentários muto bons a respeito dessa série, mas só assisti ao filme. Não sei... Achei tudo muito fantasioso e não sou muito fã de coisas assim, mas já que a maioria das pessoas diz que os livros são bons (ou ótimos, como você), eu ainda mantenho certa curiosidade...
Talvez leia, talvez não. Ainda estou em dúvida, rs

Beijinhos!

Luara Cardoso disse...

Ah, agora eu to super feliz de ter comprado Eu Sou o Número Quatro! Comprei com um pé atrás porque nem sabia o que ia ser da série e tudo mais, mas agora eu to aliviada. *-*
Nas férias vou ler e depois te conto o que eu achei. ;D

Um beijo,
Luara - @luuara
http://www.estantevertical.com/

Ane Reis disse...

Oie Van!

Olha mesmo com essa sua resenha super gracinha eu ainda não consigo ter muita vontade de ler essa série rs...

Eu até acho alguns pontos dela interessante, mas não tenho muita curiosidade ainda.


Ótima resenha linda!

bjus;***

anereis.
mydearlibrary | bookreviews • music • culture
@mydearlibrary

Marina disse...

Não li tudo, morro de medo de pegar spoiler e ler um livro depois hehehe

Letícia :) disse...

Olá!
Nunca tive curiosidade de ler essa série, ou até mesmo assistir o livro. Pela sua resenha, a série deve ser bem legal. Acho que vou dar uma chance, hein?

Letícia
www.resuminho.com

Amanda Souza disse...

Vou começar a ler o primeiro livro, então preferi não ler a sua resenha. Mas há algum tempo já estava ansiosa para ler essa série!
beijinhos

hiperbolismos.blogspot.com

Julia G disse...

Van, eu acabei não lendo a resenha porque ainda nem li o primeiro livro! Juro que não fazia idéia de que esses que você citou eram o segundo e o terceiro livro (eu parei só no primeiro mesmo! rsrs)
Mas pelo que você falou no começo, a história parece ser realmente boa, vou tentar ler nessas férias.

Beijos

Babi Lorentz disse...

Não posso ler a resenha ainda porque não comecei a ler a série, apesar de morrer de vontade.
Beijos.

Raquel Machado disse...

Oi flor,
Não li toda sua resenha porque eu fiquei com medo dos spoilers e como eu ainda quero ler esse livro em algum momente da minha vida espero gostar tanto quanto voce...por enquanto so vi o filme e achei super legal...vamos ver quem sabe eu tenho a oportunidade ne?
BJS
Raquel Machado
Leitura Kriativa
http://leiturakriativa.blogspot.com/

Carolina disse...

Pulei a resenha por conta dos spoilers. Essa é uma érie que desde que foi lançada eu quis ler, mas até hoje não dei uma chance :~

Beijão
Sun Rises Here

Amanda Almeida disse...

Ola Vanessa, tudo bem?
Não li a resenha toda por conta dos spoilers, mas tenho muita vontade de ler essa série, e concordo com o que você disse, eles não deveriam demorar tanto para publicar os livros.
Abraços,
Amanda Almeida

 
Layout de Giovana Joris