Carolina se Apaixona - Federico Moccia.

Título: Carolina se Apaixona.

Original: Amore 14.
Autor: Federico Moccia.
Editora: Planeta.
Nota: 2,5/5

Carolina tem catorze anos de idade. Vive um momento mágico em sua vida. As amigas, sempre por perto. E os sonhos, quantos sonhos! E há os primeiros beijos roubados no escurinho do portão. E sempre aquela música que surge no momento certo. Festas, escola, brincadeiras, mas também existem as provas e outras coisas de gente grande. A avó é maravilhosa e sabe enxergá-la bem longe, lá no fundo de sua alma. Sobre o amor? O que se sabe? O que se vive? Como é realmente o amor? Talvez ele tenha os olhos de Massimiliano? O amor é aquilo? Quem sabe... Mas Carolina perdeu o celular, e com ele tudo o que sabia sobre o rapaz. Mesmo assim, ela não tem dúvidas de que conseguirá reencontrá-lo. Enquanto isso, sonha chegar bem perto da nuvens. E a vida transcorre sem preocupações. Entre as aventuras de cada dia e as sombras do convívio familiar não paira nem de longe a suspeita e a desconfiança. O seu coração está sempre acelerado a cada afeto que se abre e se transforma em esperança pelo futuro. E há uma estrada infinita diante dela que convida a seguir caminhos desconhecidos. Carolina está pronta para ser feliz. (SKOOB).

Eu sempre quis ler um livro deste autor, vi várias pessoas falando que são ótimos, então tive a oportunidade de ler Carolina se Apaixonada e... me decepcionei. Sério, queria muito ter gostado do livro porque eu tinha aquela esperança básica de que tudo ia dar certo, mas infelizmente não foi o que aconteceu e eu preciso dividir minha experiência de leitura com vocês. Ou seja, vamos a resenha.

O livro conta a história da Carolina, meio óbvio, ela tem quatorze aninhos e dividi com os leitores suas experiências na vida, os primeiros amores, beijos escondidos e tudo isso ai que tem na sinopse. Não sei porque ainda faço essa sinopse básica aqui embaixo.

Eu gostei do tema da história, achei bonitinho e pensei que iria gostar bastante. Porém, acho que não estava no clima para esse tipo de livro e acabou não dando certo. Achei a narrativa do autor bem confusa, não é dividida por capítulo - acaba uma parte e depois já aparece a outra na próxima página, mas ainda assim ficou estranho pra mim - e achei que tem muitas páginas para uma história que não precisava de tanto. Em alguns momentos achei muito monótono e cansativo, sabem? No começo eu até lia tudo bonitinho, tava gostando e talz, mas com o passar do livro eu acabei não gostando mesmo.

Como eu disse, queria muito que a resenha fosse positiva, mas não deu. Não sei se vou ler os outros livros do autor, não se seguirem esse padrão de CSA (é a sigla do nome o livro, é muito grande). Vou tentar dar uma chance, mas vou pensar muito bem antes. Outro ponto que eu gostei foi a capa, achei super gracinha e o livro ganhou duas estrelinhas e meia por conta do tema (que eu gostei) e porque me arrancou algumas risadas. Ela era muito ingênua em alguns pontos e eu ria dela, coitada da Carol. O final do livro eu gostei mais ou menos, sabem? Não, provavelmente não sabem, mas foi assim que me senti. Não sei se gostei ou odiei. Só falo uma coisa caros leitores e só leiam a próxima frase depois dos dois pontos se quiserem um spoilers básico, que eu nem sei se posso chamar de spoiler, do final: 'melhor sozinha do que mal acompanhada' e 'carolina é uma menina bem difícil de esquecer'. Não, essa última é bobeira, mas eu sempre lembro da música quando vejo o livro. Não me aguento :x

Personagens, só pra variar, não me agradaram tanto assim. Carolzinha era tão chatinha. Achei sim, mas era avançada para a idade dela em algumas partes. Ela é uma personagem um tanto complexa, pelo menos para mim. As amigas dela são péssimas, não gosto. Os garotos também. Ou seja, minha síndrome está de volta (vou procurar nos livros de patologia se tem mesmo alguma síndrome de personagens e se você tiver, vamos formar uma associação q) e acho que é para ficar dessa vez. Medo profundo.

Apesar de tudo, como eu sempre digo, a leitura nunca é uma perca de tempo. Eu não recomendaria, porque eu não gostei é claro, mas se você quiser dar uma chance para a Carolina se apaixonar por você e você por ela, tenta a sorte. Carolina se Apaixona foi lançado aqui pela editora Planeta, que também lançou outros três livros do mesmo autor.

OBS: Pessoal, sábado 24/03 vai ter o clube do livro aqui em Sorocaba e, com esse provavelmente vai ser o último post antes dessa data, venho aqui novamente para convidar vocês. O livro a ser discutido é Para Sempre (não o da Ever e Damien q) e vou ficar muito feliz se vocês puderem ir. Tem o post aqui também, veja lá mais informações (post aqui).

26 comentários:

Evellyn disse...

Sad sad...
eu gostei mt do livro Van! Mas sei á, ele é um pouco diferente dos outros dele, acho que pela protagonista mais nova... talvez vc devesse tentar o com adolescentes MESMO!
esse é o 1º que não é dividido por cap. Mas a narrativa do Fed é bem densa mesmo.. Mt detalhada e alguns podem mesmo achar que ele não vai direto ao ponto pq ele esmiúça tudo!
Eu gosto da Clod, a Carol é mesmo ingenua ao mesmo tempo que avançada! E o livro não tem mesmo o fim que esperamos!

bjss
Evellyn!

Joelma Alves disse...

Vanessa,

Eu li uma resenha desse livro no blog da Nanie, e ela também não gostou.
E falam tão bem do autor, né...
Já eu não gostei dessa capa, não gosto de caps de livros 'com pessoas de verdade', rs.

=)

Shizu disse...

Pena que o livro não tenha sido bom, mesmo que leitura não sej perda de tempo é bem melhor quando ela é agradavel <3

http://himi-tsu.blogspot.com.br

Aione Simões disse...

Oi Van!
Que pena que você se decepcionou!
Tenho medo de não gostar também porque dizem que a narrativa dele é meio confusa mesmo e isso conta muito pra mim.
De qualquer forma, gosto de livros nesse estilo, então só vou descobrir o que vou achar se eu vier a ler.
A capa é mesmo fofa e sempre rio de você falando da sua síndrome!
Beijão!

Bru disse...

Fiquei super interessada pela capa e pela sinopse mas a resenha me desanimou um pouco. Adoro essas histórias que não exigem muito sabe? Mas esse não me agradou

http://sojustsmilee.blogspot.com.br/

Raquel Machado disse...

Oi flor,
Olha só não li nada do frederico ainda também não mas acho que não vou começar por esse livro porque não me agradou tanto assim a história e acho que não estou no clima disso no momento também estou lendo identidade roubada agora é acho que não estou no clima..rsrs...mas quem sabe mais para frente darei chance a algum livro desse autor vamos ver..
Bjksss
Raquel Machado
Leitura Kriativa
Bjksss
Raquel Machado
Leitura Kriativa
http://leiturakriativa.blogspot.com.br

Thaís Varine disse...

Eu tenho vontade de ler algo desse autor. Já ouvi variados tipos de comentários a respeito dos livros dele. Então não dá pra ter uma ideia concreta do que eu possa achar ;D

Beijos

Marcelle Dantas disse...

Olá Van!

Pois é, como você, já ouvi uma penca de gente falando super bem dos livros de Moccia, mas essas mesmas pessoas não falam bem de CSA! Acho que o autor deve ter pisado um pouco na bola quando escreveu esse livro, e o jeito é lermos algum outro do autor e tirar esta cruel dúvida. Acho que CSA não deveria ser a primeira leitura do Moccia para qualquer pessoa, por este motivo.

Beijos!

Marcelle
http://bestherapy.blogspot.com

Rapha disse...

Oi Van ;D

Boa sorte com o clube do livro, queria mto poder ir, mas é longe pra caramba ;~

Enfim.. qndo a resenha, que pena hein? Nao que eu ja tenha lido e tal suahus é que todo mundo fala mto bem do autor.. mas é bom pra derrubar minhas expectativas em relaçao a ele ;D


Beijocas
Rapha ~Doce Encanto ♥

Lendo e Comentando disse...

Oi, Vanessa!

Faz tempo que quero ler algum livro do Moccia também. Mas ainda não tive oportunidade. Que pena que se decepcionou. "/ Talvez mais pra frente quando você estiver com mais clima você tente ler outro livro dele, né? E tomara que te agrade mais.

Beijos,
Amanda || Lendo & Comentando
^_^

Thaís Cavalcante disse...

Poxa Van, eu fico tão triste quando não gosto de algum livro. Acho que o autor sempre pode conversar com amigos e mostrar sua obra para que eles opinem, sabe. É mais ou menos assim que penso.

Mas em relação ao autor, tem um outro livro dele que me chama atenção pela sinopse, mas só o lerei quando tiver coragem mesmo, porque pela sua resenha, fiquei um pouco desanimada.

Um beijão,
Pronome Interrogativo.
http://www.pronomeinterrogativo.com

Ane Reis. disse...

Oie Van =)

Bem que você tinha comentado que não estava gostando muito do livro rs...

É ruim mesmo, quando por mais bonintinha que seja a história os personagens não convencem. Ainda mais quando esse personagem é a protagonista.

Eu já não tinha interrese neste livro, sua resenha só confirmou minhas suspeitas ^^

bjus e uma ótima semana para você!

anereis.

mydearlibrary | bookreviews • music • culture
@mydearlibrary

Karine Marinho disse...

Eu ainda não li nada desse escritor, mas já assisti o filme de Desculpa se te chamo amor e não gostei muito. Sei que o livro geralmente é melhor, mas sempre quando eu vejo ele me dá muito preguiça e "desvontade" de lê-lo.
Agora imagina minha vontade de ler um livro que não gostaram muito. :/
Beijos,K.
Girl Spoiled

Babi Lorentz disse...

Que engraçado! Vejo tanta gente falando sobre o Moccia que tenho muita vontade de ler os livros dele. Já sei que ele descreve bastante e que isso pode ser chato se você não gosta, mas quero ler pra conhcer o autor.
Beijão

Juliana disse...

Oi, Van!
Sempre rio das suas resenhas hahahaha

Assim, também não sou MUITO fã de livros nesse estilo, então acho que não pegaria pra ler. Sei que tem gente que adora o autor e tudo mais, mas só de saber que nem tem capítulos, nem sei :X Acho que me daria preguiça ><" hahahaha

Beijoooo!

Ju
julianagiacobelli.com

Nana disse...

Hey Van
HAHA que JV o que, queremos SHAME wtf? :x

Ih acho que vou me estressar com esse livro, se algum dia fizer a leitura.. ODEIO protagonista ingênua. Melhores são as que fingem HAHA

Tenho super vontade de ler algo do autor, mas acho que não começaria por esse livro.

beijos e uma ótima semana
NANA - OBSESSION VALLEY

Camila Costa disse...

e eu que comecei a resenha já esperando MUUUUITOS elogios kkk é primeira vez que eu vejo alguem não amando incondicionalmente um livro desse autor e isso sempre aumenta minha curiosidade, espero conseguir ler algo desse cara logo sérioo

PamFardin disse...

Já topei com esse livro em alguns blogs, mas acho que nunca fiquei com uma super vontade de lê-lo. Parece que pela sua resenha, deve ser leve e simples de ler, para para passar o tempo, pois afinal como você disse aí em cima: " a leitura nunca é perda de tempo"... rsrs (Adorei essa frase :P)

Beijos
aritmeticadasletras.blogspot.com

Luara Cardoso disse...

Poxa Vanessa, uma pena que você tenha se decepcionado! Eu nunca li nenhum livro do autor, mas como você, eu o conheço através de blogs.
Nunca tive uma vontade louca de ler, mas achava as capas interessantes, sabe? Nada além.
Uma pena que o livro não tenha te conquistado.

Um beijo,
Luara - Estante Vertical

Mariana disse...

Também nunca li nada do autor, queria muito começar por esse.. mas já não sei mais. A sua resenha foi a rrimeira que eu li que é negativa, muitas estão no meio termo AHSUAHSUAHSUA Uma coisa que eu não gostei muito foi a idade da personagem, achei ela muito nova para tudo isso... Mas ainda assim, acho que vou dar uma chance ao livro, não vai ser logo mas já está na minha lista de próximas leituras. Obrigada pela resenha, beeijos!!

@Flafli disse...

Ai como eu sempre me divirto com suas resenhas, Van! Rs...

Também odeio livros que não são divididos em capítulos ou que simplesmente são imensos e cansativos. Confesso que sou fraca, e acabo abandonando leituras...

Beijos!

Flafli
www.flafli.com.br

Lu disse...

ainda quero ler esse livro Vanessa.
Gostei de outro que li do autor e quero ler mais livros do Federicco.
Espero gostar. =)
beijos.

Luiza disse...

Poxa! Eu até consegui aquele brinde que tem o primeiro cap.
Que pena que não é bom :(


Bjs

Letícia Iauch disse...

Ei Van!

Ah, eu tenho vontade de ler os livros do Moccia. A capa realmente é super fofa! (E cá estou eu julgando um livro pela capa. Oh Deus.)
Mas quando eu li alguns trechos de Desculpe se te chamo de amor... bom...então...não me parece ser muito agradável.
Talvez um dia eu dê uma chance para o autor, mas com certeza sua resenha me fez deixá-lo ainda mais de lado kkkkk

Bjoos'
Lets

Cynthia H. disse...

Ahh )): Sério que o livro te decepcionou? Estava tanto querendo ele e agora com sua resenha desanimei, quem sabe eu ainda leia quando tiver mais dinheiro, hehehehe

beijos
Cynthia H.
http://garotaqueamaler.blogspot.com.br/

Gabrielle Albuquerque disse...

A leitura realmente é muito confusa, mas até que a historinha é legal.. bom, estou na pagina 117 e até aqui está um pouco empolgante. Claro que nao é um livro que te segura muito mas é bom pra perder o tempo kkkk

 
Layout de Giovana Joris